posso falar mal de comida japonesa?

20 de junho de 2016


Antes de começar quero dizer que sou apaixonada por comida japonesa, mesmo sabendo de todos os malefícios, mas é uma comida totalmente viciante (outro dia eu conto o motivo de ser tãããão viciante).

Há um tempo a comida japonesa ficou popular por aqui, e as pessoas acabam consumindo (algumas até todos os dias) sem peso nenhum na consciência por ser aparentemente “saudável” tendo como base muito salmão.

Salmão... riquíssimo em ômega 3, combate o colesterol ruim, tem várias qualidades nutricionais, e é o peixe que todos deveriam ter na alimentação e não comem sempre, mas que hoje é facilmente encontrado nos inúmeros restaurantes japoneses espalhados por aí. Mas... Infelizmente não é bem assim...

Todos esses benefícios começaram a ser questionados quando surgiu o salmão de cativeiro. O salmão “verdadeiro”, o selvagem, que mora no oceano e come muitos crustáceos, é raro... e muito caro. Por isso representa somente 5% de todo o salmão vendido. O restante?! O restante é de cativeiro, que come muita ração e muito antibiótico!

A diferença desses dois peixes está visível na cor. O salmão selvagem tem uma coloração rosa (que se dá pela alimentação rica em crustáceos), enquanto o salmão de cativeiro tem uma cor que vai do cinza ao bege claro.

Mas... peraí! O salmão que eu vejo no restaurante não é cinza não! É alaranjado, rosado... uma cor bem linda e vibrante! É aí que mora o problema, o salmão recebe corante, é tingido com substâncias sintéticas... tóxica e com estudos que dizem ser também carcinogênica!

Sobre ser boa fonte de ômega 3, depende do tipo de alimentação do peixe, não posso afirmar que não é uma boa fonte, mas posso dizer com certeza que o benefício não compensa o malefício. Peixe faz muito bem à saúde, mas não no caso do salmão, que a padronização foi feita para garantir a oferta no meio de tanta procura!

Um temaki por aqui ainda existe... mas, uma vez por mês!




Comentários via Facebook

0 comentários:

Postar um comentário



Isadora Markus • Todos os Direitos Reservados • Copyright © 2016 • Powered by Blogger • Desenvolvimento por