CHANGE!

18 de fevereiro de 2016

Algumas vezes a vida nos propõe mudanças. Não dessas escancaradas, que saltam aos olhos vidrados do cuco. Mas dessas que soam de hora em hora, disfarçadas pelas badaladas. Você às vezes nem as percebe e quando percebe já está com o prazo de validade praticamente no fim. Por que não dar ouvidos ao que o silêncio quer te dizer? São tantos sinais, tantas chacoalhadas tentando te tirar da zona de conforto que você fica tentado a pensar que isso é uma tempestade se aproximando. E pode até ser, mas depois da tempestade não vem a bonança? Clichê estúpido, clichê verídico. Não se pode ter um verão sem tempestades, o calor seria insuportável. Ela vem para mudar as coisas de lugar, bagunçar. É como quando arrumamos o guarda-roupa. Da uma preguiça danada de começar. Empilhar tudo, juntar o que não quer mais, o que ainda quer, arrumar um lugar novo para cada pilha. Mas, no fim a sensação de alívio, dever cumprido e de encontrar aquele macacão que não usava há anos recompensa, não é? Quem sabe a vida seja feita um guarda-roupa, esperando ser posta a baixo de vez em quando, para que possamos tirar tudo que não usamos mais, organizar as saias, doar os vestidos que já estão muito curtos e guardar um ou outro moletom que passou por alguns belos momento. É assim que deve ser. Outras pessoas estão por aí precisando de coisas que você já não precisa mais. De uma chance a elas, mas principalmente, dê uma chance a você e vá comprar roupas novas!

Isadora Markus

Comentários via Facebook

0 comentários:

Postar um comentário



Isadora Markus • Todos os Direitos Reservados • Copyright © 2016 • Powered by Blogger • Desenvolvimento por